Você está aqui: Página Inicial / Candidato / Conteúdo Programático

Conteúdo programático Vestibular Educação Metodista

O Exame é elaborado tendo por base as informações, conceitos e conhecimentos trabalhados no Ensino Médio, de acordo com a Lei Nº 9394/96, do Ministério da Educação.

Composição da Nota da Prova de Conhecimentos. Cada Questão tem o valor 2,5 pontos.
Produção de Texto • Redação • total de 100 pontos.

Áreas de Conhecimento Componentes Curriculares Total de pontos
Ciências Humanas e suas Tecnologias História (12,5) 25
Geografia (12,5)
Ciências da Natureza e suas Tecnologias Química (12,5) 37,5
Física (12,5)
Biologia (12,5)
Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação e Língua Inglesa Língua Portuguesa e Literatura (15) 22,5
Língua Inglesa (7,5)
Matemática e suas Tecnologias Matemática (15) 15
Redação Produção de Textos (100) 100

PORTUGUÊS

Língua, Literaturas da Língua Portuguesa e Produção de Texto

A prova avaliará no candidato habilidades no reconhecimento e emprego de múltiplas linguagens, verbal e não-verbal, em situações específicas ou diversas; estabelecendo relações entre elas, tendo em vista, a leitura, a compreensão, a análise e a interpretação de textos literários e não-literários. O candidato deverá revelar competência na compreensão dos níveis de linguagem, reconhecendo a diversidade expressiva de cada um desses níveis, de modo que haja reflexão crítica através de comparações e da análise linguística.

Quanto à Gramática, o candidato deverá demonstrar habilidade e compreensão dos aspectos descritivos – classes e categorias – e dos prescritivos – normalizações a partir de parâmetros da norma culta: ortografia, pontuação, flexão, concordância, regência e sintaxe – observando os aspectos semântico, discursivo e estilístico.

Em relação à Literatura, será avaliado o conhecimento do candidato quanto às obras que fazem parte do universo de autores das Literaturas de Língua Portuguesa, estudadas no Ensino Médio. O candidato deve compreender o fenômeno literário, através de uma abordagem diacrônica – a história da Literatura – e sincrônica, ou seja, o diálogo entre obras de diferentes épocas, assim como a aproximação da Literatura de outras manifestações culturais.

Bibliografia

BOSI, Alfredo. História Concisa da Literatura Brasileira. 3ª edição, São Paulo: Cultrix, 1980.
CANDIDO, Antonio & CASTELLO, José Aderaldo. Presença da Literatura Brasileira. São Paulo: Difel, 1968. 3v.
CEREJA, William Roberto e MAGALHÃES, Thereza Cochar. Português: Linguagens. 3ª edição revista e ampliada, São Paulo: Atual, 2004, 3 v.
CAMPEDELLI, Samira Yousseff. Literatura – História & Texto. 6ª edição reformulada, São Paulo: Saraiva, 1999, 3 v.
FARACO, Carlos Emílio & MOURA, Francisco Marto. Literatura Brasileira. 9ª edição, São Paulo: Ática, 2004.
FARACO, Carlos Emílio & MOURA, Francisco Marto. Língua e Literatura. 22ª edição, São Paulo: Ática, 2004, 3 v.
INFANTE, Ulisses. Textos: Leituras e Escritas – Literatura, Língua e Redação. 1ª edição, São Paulo: Scipione, 2000, 3 v.
INFANTE, Ulisses. Curso de Literatura de Língua Portuguesa. 1ª edição, São Paulo: Scipione, 2001.
De Nicola, José. Gramática da palavra, da frase, do texto. São Paulo: Scipione, 2004.
Terra, Ernani & NICOLA, José de, CAVALETE, Floriana Toscano. Português para o Ensino Médio: Língua, Literatura e Produção de Textos: volume único. São Paulo: Scipione, 2004.

Conhecimentos Gerais

MATEMÁTICA

O uso da Matemática como ferramenta para resolver problemas é uma rotina na vida de todos nós, quer seja para determinar o valor total da compra do supermercado, ou para auxiliar o engenheiro a planejar a construção de um prédio.
Objetivando uma melhor utilização das ferramentas que a matemática fornece para a melhoria das condições de vida na sociedade, é necessário ter conhecimentos básicos no assunto. Assim, a prova de matemática avaliará os conceitos básicos, priorizando o raciocínio e capacidade de resolver problemas.

1. Conjuntos Numéricos:

a) Números naturais, números inteiros: divisibilidade, mínimo múltiplo comum, máximo divisor comum, decomposição em fatores primos.
b) Números racionais e noções elementares de números reais: operações e propriedades, relação de ordem valor absoluto, desigualdades. Porcentagem.
c) Números complexos: representação e operações com números complexos na forma algébrica e trigonométrica, módulo de números complexos, raízes de números complexos.
d) Seqüências numéricas. Progressões aritméticas e progressões geométricas. Soma de um número finito de termos de uma P.A. e de uma P.G.

2. Geometria Plana:

a) Figuras geométricas planas: retas, semi-retas, segmentos de reta, ângulos, polígonos, circunferências e círculos.
b) Paralelismo e perpendicularismo de retas no plano. Feixe de retas cortadas por transversais, Teorema de Tales.
c) Triângulos: Soma dos ângulos internos e externos de um triângulo, área de um triângulo, congruência de triângulos, semelhança de triângulos, trigonometria dos triângulos retângulos.
d) Polígonos convexos: soma de ângulos internos e externos, congruência e semelhança de polígonos, polígonos regulares, área, propriedades específicas de trapézios, paralelogramos, losangos, retângulos e quadrados.
e) Circunferência e círculo: Comprimento de circunferência, área do círculo e de setores do círculo.

3. Geometria espacial:

a) Prismas, pirâmides, cilindros, cones. Cálculo de áreas e volumes.
b) Esfera e superfície esférica. Cálculo de áreas e volumes.

4. Funções:

a) Noções de função. Gráficos. Função módulo, funções lineares, funções afins e funções quadráticas. Equações e inequações envolvendo essas funções;
b) Funções exponenciais e funções logarítmicas:
Propriedades fundamentais, gráficos, equações e inequações envolvendo estas funções.

5. Polinômios:

a) Grau de polinômio. Adição e multiplicação, divisão de polinômios. Identidade de um polinômio.

6. Equações Algébricas:

a) Equações algébricas: definição, raiz, multiplicidade de raízes, números de raízes de uma equação.

7. Combinatória e Probabilidade:

a) Problemas de contagem;
b) Arranjos, permutações e combinações;
c) Binômio de Newton;
d) Probabilidade.

8. Sistemas Lineares e Matrizes:

a) Sistemas Lineares: resolução e discussão;
b) Matrizes: Operações;
c) Determinantes.

9. Geometria Analítica:

a) Coordenadas Cartesianas: Localização de pontos no plano cartesiano. Distância entre dois pontos;
b) Estudo da reta em geometria analítica plana;
c) Estudo da circunferência em geometria analítica.

10. Trigonometria:

a) Arcos e ângulos;
b) Funções trigonométricas;
c) Equações e inequações envolvendo funções trigonométricas;
d) Lei dos senos e lei dos cossenos.

11. Estatística e matemática financeira:

a) Gráficos;
b) Medidas de tendência centra;
c) Medidas de dispersão;
d) Juros simples e compostos.

Bibliografia

Iezzi, Gelson e outros. Fundamentos de matemática elementar. São Paulo. Atual, 1977.
Machado, Nilson José. Matemática por assunto. São Paulo. Scipione,1988.
Machado, Antônio dos Santos. Matemática, Temas e Metas. São Paulo. Atual, 1986.
Bianchini, Edwaldo & Paccola, Herval. Matemática. São Paulo. Moderna.
Smole, Kátia Cristina Strocco & Kiyukawa, Rokusaburo. Matemá-tica. Ensino Médio. São Paulo. Saraiva, 1998.
Bongiovanni, Vicenzo & Vissoto, Olimpio Rudinin & Laurenzo, José Luiz Tavares. Matemática e Vida 2ºgrau. São Paulo. Ática. 2ºedição.
Giovanni, José Ruy & Parente, Eduardo. Aprendendo Matemática (Ensino Fundamental). São Paulo. FTD, 1999.
Grasseschi, Maria Cecília Castro & Andretta, Maria Capucho & Silva, Aparecida Borges dos Santos. Coleção PROMAT. Projeto Oficina de Matemática. São Paulo. FTD,1999.
Iezzi, Gelson & Dolce, Osvaldo & Machado, Antônio. Matemática e realidade. Ensino Fundamental. São Paulo. Atual, 2000.
Mori, Iracema & Onaga, Dulce Satiko. Matemática. Idéias e Desafios. São Paulo. Saraiva, 9ªedição 2000.

FÍSICA

Em seu processo evolutivo, a sociedade vai priorizando os conhecimentos que promovem e dão sustentação ao seu desenvolvimento. Para compreender a influência da Física na sociedade atual, bem como para questionar essa influência, é necessário ter conhecimento básico dos conceitos físicos. Nesse sentido, a prova de Física dará ênfase à capacidade de reconhecer e aplicar os conceitos físicos em situações concretas relacionadas com o cotidiano.
A interpretação de idéias, dados e gráficos serão exigidos, pois são recursos utilizados na organização e resolução de problemas. As questões da prova versarão sobre:

1) Mecânica.

a) Cinemática Escalar e Vetorial: deslocamento, velocidade e aceleração. Movimento uniforme, movimento uniformemente variado; diagramas; descrição de movimentos.
b) Princípios da Dinâmica; forças modificando movimentos.
c) Quantidade de Movimento e sua conservação; impulso.
d) Energia Mecânica e sua conservação: trabalho e variação da energia cinética; potência e rendimento; sistemas conservativos; energia potencial e conservação da energia mecânica.
e) A gravitação universal: evolução do sistema solar e seus modelos; lei da gravitação universal; movimento de corpos celestes.
f) Fluidos: massa específica e densidade; pressão em líquidos e transmissão nesses fluidos; pressão em gases; pressão atmosférica; empuxo e condições de equilíbrio.

2) Termodinâmica.

a) Calor, temperatura e equilíbrio térmico.
b) Propriedade térmica dos materiais: calor específico, calor latente e sensível, dilatação térmica, processos de transferência de calor.
c) Calor e sistemas isolados: trocas.
d) Propriedades dos Gases ideais.
e) Máquinas térmicas e seus rendimentos.
f) Calor e Trabalho nas transformações gasosas.
g) Leis da Termodinâmica.

3) Ondas, Som e Luz.

a) Ondas e suas características, ondas mecânicas e sua propagação; som.
b) Reflexão, refração, difração e interferência de ondas.
c) Luz: propagação, trajetória e velocidade; natureza eletromagnética, cores, dispersão.
d) Sistemas óticos: espelhos e lentes e imagens obtidas por esses sistemas; instrumentos óticos simples; olho humano.

4) Eletromagnetismo.

a) Carga elétrica: quantização e conservação; interação entre cargas; força elétrica (Lei de Coulomb).
b) Processos de eletrização: atrito; contato e indução.
c) Campo elétrico; Potencial elétrico e Energia potencial elétrica.
d) Propriedades elétricas dos materiais: resistividade e condutividade; isolantes e condutores.
e) Corrente elétrica: relação entre corrente e diferença de potencial (materiais ôhmicos e não ôhmicos); leis de Ohm; circuitos simples; associações de resistores.
f) Dissipação de energia em resistores. Potência elétrica.
g) Capacitores: capacitância; associações de capacitores.
h) Campos magnéticos: imãs; campo magnético terrestre; ação de campos magnéticos; correntes gerando campos magnéticos.
i) Indução eletromagnética: eletroímãs; transformadores e motores.

5) Física Moderna.

a) Relatividade na Física Clássica; relatividade de Einstein.
b) Física quântica: teoria dos quanta; efeito fotoelétrico; a natureza dual da luz.

Bibliografia

Alvarenga, Beatriz & Máximo, Antonio. Curso de Física, Scipione.
Gaspar, Alberto. Física, Ática.
Ramalho, Nicolau e Toledo. Os Fundamentos da Física, Moderna.
Nicolau, Penteado, Toledo e Torres. Física: Ciência e Tecnologia. Moderna.
Helou, Gualter e Newton. Tópicos de Física, Saraiva.
Calçada, Caio Sérgio & Sampaio, José Luiz. Física Clássica, Atual.

QUÍMICA

A Química está presente no cotidiano, por meio de inúmeros mecanismos do biociclo humano, animal e vegetal, nos produtos industrializados necessários ao homem, assim como ao seu mundo "moderno".

A Química fornece ferramentas indispensáveis à melhoria das condições de vida do homem na sociedade, na procura do equilíbrio com a natureza e no avanço tecnológico.
Nas questões de química, serão priorizados o raciocínio, a capacidade de resolver problemas, a análise de um fato e suas relações com o cotidiano.

Química Geral e Inorgânica

1) Matéria:

a) propriedades;
b) transformações;

2) Substâncias Químicas:

a) propriedades;
b) misturas de substâncias;
c) métodos de separação.

3) Elementos Químicos:

a) nomenclatura;
b) representação;
c) propriedades periódicas.

4) Leis Ponderais das Reações Químicas:

a) lei de Lavoisier;
b) lei de Proust;
c) lei de Gay-Lussac.

5) Cálculos Químicos:

a) teoria atômico molecular;
b) cálculo de fórmulas;
c) cálculo estequiométrico.

6) Estrutura do átomo:

a) átomo de Dalton;
b) átomo de Thomson;
c) átomo de Rutherford-Bohr;
d) isótopos, isóbaros e isótonos.

7) Ligação química:

a) ligação iônica;
b) ligação covalente dativa;
c) ligação covalente polar e apolar;
d) ligação metálica.

8) Funções inorgânicas:

a) ácido;
b) base;
c) sais;
d) óxidos.

9) Reações Químicas:

a) classificação das reações;
b) equacionamento das reações químicas;
c) reações de óxido-redução.

Físico-Química

1) Soluções aquosas:

a) solubilidade;
b) concentração;
c) diluição;
d) mistura de soluções com e sem reação química;
e) propriedades coligativas.

2) Termoquímica:

a) Entalpia;
b) lei de Hess;
c) calor de reação;
d) calor de formação;
e) calor de ligação;
f) relações entre estado físico e ∆H;
g) reações de combustão.

3) Cinética Química:

a) velocidade de reação;
b) complexo ativado e energia de ativação;
c) fatores que influenciam na velocidade das reações.

4) Equilíbrio Químico:

a) equilíbrio químico e deslocamento de equilíbrio;
b) equilíbrios iônicos em solução aquosa;
c) produto iônico da água, pH, efeito do íon comum, hidrólise dos sais e constante do produto de solubilidade e hidrólise dos sais.

5) Eletroquímica:

a) reações de óxido-redução;
b) pilhas e eletrólise.

Química Orgânica:

1) Átomo de carbono:

a) tipos de ligação;
b) classificação das cadeias carbônicas.

2) Funções Orgânicas:

a) estrutura e nomenclatura;
b) isomeria.

3) Composto Orgânico:

a) métodos de preparação;
b) propriedades químicas.

4) Reações da química orgânica.

5) Química Descritiva e do Meio Ambiente:

a) principais produtos industriais: obtenção e produção;
b) influências dos poluentes químicos no meio-ambiente.

Bibliografia

FELTRE, Ricardo. Química Orgânica. São Paulo, volume 1, 2 e 3. Moderna, 5ª edição, 2001.
FONSECA, Martha R.M. da. Química. São Paulo, volume 1, 2 e 3. FDT, 2001.
LEMBO, Antonio. Química, volumes 1, 2 e 3, São Paulo, Editora Ática, 1999.
NOVAIS, Vera Lucia Duarte de.Química, volumes 1, 2 e 3, São Paulo,Atual Editora, 1999.
PERUZZO, Tito Miragaia & CANTO, Eduardo leite do. Química na Abordagem do Cotidiano. São Paulo, volume 1, 2 e 3, Moderna, 2º ed. 1997.
USBERCO, João & SALVADOR, Edgard. Química, volumes 1, 2 e 3, 9ª Edição, São Paulo, Editora Saraiva, 2000.

BIOLOGIA

O estudo dos seres vivos com relação à sua organização, constituição, modo de vida; suas inter-relações; sua ação sobre o meio-ambiente, a capacidade de integração, comunicação, reprodução e movimentação; sua diversidade; a dinâmica das comunidades biológicas que fazem parte da pesquisa biológica para a melhoria da qualidade de vida do homem em seu planeta.
As questões da prova de Biologia serão abrangentes quanto aos conteúdos específicos e exigirão do estudante a capacidade de comparar, analisar, sintetizar, co-relacionar e integrar conhecimentos básicos relativos às áreas da Biologia.

1) Organização dos seres vivos:

a) características gerais, estruturais e funcionais dos componentes celulares (membranas, citoplasma, núcleo, aparelho de Golgi, ribossomos, mitocôndrias, cloroplastos, lisossomos);
b) função das principais substâncias orgânicas e inorgânicas que constituem os seres vivos (ácidos nucléicos, proteínas, enzimas, vitaminas, lipídeos e carboidratos);
c) fisiologia celular (fotossíntese, respiração, fermentação, o papel do ATP, síntese de proteínas, digestão intracelular, papel do núcleo no controle das atividades celulares);
d) mitose, meiose e diferenciação celular.

2) Organização funcional em plantas:

a) crescimento e desenvolvimento (meristemas, tecidos vegetais, hormônios e tropismos);
b) fotossíntese e fatores que interferem no processo;
c) transporte de seiva bruta e elaborada;
d) transpiração.

3) Organização funcional em animais e no homem:

a) digestão e absorção de alimentos. Desnutrição humana;
b) circulação e respiração;
c) excreção;
d) regulação da temperatura corporal;
e) sistemas endócrino e nervoso;
f) sistemas muscular e esquelético;
g) reprodução (gametogênese, fecundação, fases do desenvolvimento embrionário, desenvolvimento direto e indireto, regulação hormonal da reprodução humana).


4) Genética:

a) leis de Mendel;
b) tipos de herança: autossômica dominante, recessiva, ligada ao X; alelos múltiplos; herança quantitativa, herança de grupos sangüíneos ABO, Rh e MN;
c) meios e variabilidade genética (permuta); determinação do sexo;
d) mutação gênica;
e) biotecnologia, terapias gênicas, transgenia, clonagem.

5) Evolução:

a) Lamarquismo e Darwinismo;
b) variabilidade genética (mutação e recombinação); seleção natural;
c) conceitos de população, raça e subespécie; isolamento reprodutivo e formação de novas espécies;
d) a evolução do homem; características gerais dos primatas.

6) Os seres vivos:

a) Invertebrados - características, habitat e reprodução:
b) poríferos e celenterados;
c) platelmintes (ciclos de vida dos parasitos causadores de teníase e esquistossomose e prevenção);
d) nematelmintes (ciclos de vida dos parasitos causadores de ascaridíase e da ancilostomíase e prevenção);
e) moluscos, anelídeos, equinodermes e artrópodes (diversidade e importância);
f) Vertebrados - características, habitat, comparação quanto à estrutura e funcionamento dos sistemas e reprodução em: peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos;
g) Características gerais e aspectos básicos da reprodução de: vírus, bactérias, fungos, algas e protozoários;
h) Plantas: ciclos de vida de briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas.

7) Os seres vivos e o ambiente:

a) o fluxo de energia: cadeias e teias alimentares. Níveis tróficos;
b) pirâmides de energia e de biomassa;
c) ciclos biogeoquímicos: água, carbono, oxigênio e nitrogênio;
d) comunidades e populações (taxa de natalidade, mortalidade, crescimento, densidade). Equilíbrio e desequilíbrio;
e) interação entre os seres vivos (predatismo, parasitismo, mutualismo, comensalismo e competição);
f) sucessão ecológica;
g) endemias e epidemias - conceito e importância do controle (saneamento básico, vacinação, vigilância sanitária);
h) indicadores de saúde (taxa de mortalidade infantil, expectativa de vida);
i) recursos hídricos;
j) reciclagem;
k) reflorestamento;
l) lixo.

Bibliografia

AMABIS, J.M. & MARTHO, G.R., Conceitos de Biologia. São Paulo: Moderna, 2002.
CESAR & SEZAR, Biologia. São Paulo: Saraiva, 2003.
CHEIDA, L.E. Biologia Integrada. São Paulo: FTD, 2003.
FROTA-PESSOA, O. Os Caminho da vida – Biologia no ensino médio. São Paulo: Scipione, 2001.
GAINOTTI, A. Biologia Ensino Médio (Série Parâmetros). São Paulo: Scipione, 2003.
LINHARES, S. & GEWANDSZNAJDER, F., Biologia Hoje. São Paulo: Ática, 2003.
LOPES, S.G.B.C. BIO. São Paulo: Saraiva, 2004.
PAULINO, W.R. Biologia - Série Novo Milênio. São Paulo: Ática, 2005.
SOARES, J.L. Biologia no Terceiro Milênio. São Paulo: Scipione, 1999.

Estudos Sociais

GEOGRAFIA

Geografia geral

A Geografia estuda os processos e formas de produção e organização do espaço terrestre.
Dessa forma, o exame abordará a capacidade de compreensão, interpretação e análise de tais fatos.
Espera-se que ao completar o segundo grau a pessoa tenha desenvolvido uma capacidade de compreender criticamente o mundo atual, demonstrando visão geral do processo social, político, econômico e cultural da humanidade e também das relações entre a sociedade e natureza.

1) A produção e organização do espaço mundial.

a) a nova ordem mundial: as transformações políticas do mundo contemporâneo;
b) as alianças e disputas entre as grandes potências;
c) a independência e desigualdade nas relações entre as grandes potências e os demais países;
d) os blocos econômicos.

2) A população mundial:

a) a distribuição da população mundial;
b) as diferenças no crescimento das populações;
c) os conflitos étnicos;
d) a distribuição social e espacial da riqueza e as condições de vida.

3) As atividades econômicas:

a) o processo industrial e a organização e produção do espaço;
b) as atividades agropecuárias e extrativas;
c) a circulação e distribuição de capitais e mercadorias.
4) As relações das sociedades humanas e a natureza:
a) os grandes domínios naturais;
b) os recursos naturais;
c) degradação ambiental nas diferentes organizações sócio-econômicas.

Geografia do Brasil

1) A ocupação do território brasileiro:

a) o processo histórico de ocupação do território brasileiro;
b) processo de urbanização e as áreas metropolitanas.

2) A população brasileira:

a) o crescimento da população brasileira e sua distribuição;
b) a estrutura da população brasileira;
c) as principais correntes migratórias;
d) as condições de vida.

3) O aproveitamento econômico do território brasileiro:

a) as atividades agropecuárias e extrativas;
b) a estrutura fundiária e as questões sócio-econômicas;
c) o processo de industrialização do Brasil;
d) a distribuição espacial da indústria e os desequilíbrios regionais;
e) a rede de transporte.
4) As relações entre a sociedade e a natureza no Brasil:
a) os grandes domínios naturais brasileiros;
b) a distribuição dos recursos naturais;
c) as fontes de energia;
d) a questão ambiental no Brasil.

Bibliografia

Adas, Melhem. Panorama Geográfico do Brasil. São Paulo, Moderna, 1988.
Adas, Melhem. A Fome - Crise ou Escândalo? São Paulo, Moderna, 1988. (Coleção Polêmica)
ARBEX Jr, José. Islã - Um enigma de nossa época. São Paulo, Moderna, 1996.
Dowbor, Ladislau. A Formação do Terceiro Mundo. São Paulo, Brasiliense, 1981. (Col. Tudo é História).
Galeano, Eduardo. As Veias Abertas da América Latina. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1982.
Martinez, Paulo. Multinacionais: Desenvolvimento ou Exploração? São Paulo, Moderna, 1987.
Martins, José de Souza. Expropriação e Violência – A Questão Política do Campo. São Paulo, Hucitec, 1980.
Pereira, D. et alli. Geografia – Ciência do Espaço – O Espaço Mundial. São Paulo, Atual, 1987.
Pereira, D. et alli. Geografia – Ciência do Espaço – O Espaço Brasileiro. São Paulo, Atual, 1988.
SCALZARTTO, Reinaldo. Geografia Geral: Nova Geopolítica,
Scipione, 3ª ed., 1993.
SCALZARTTO, Reinaldo. O Mundo Atual: da Guerra Fria à nova ordem internacional, Scipione, 1ª ed., 1992.
Silva, José Graziano da. O que é a Questão Agrária. São Paulo, Brasiliense, 1981.
Singer, Paul. Economia Política da Urbanização. São Paulo, Brasiliense, 1981.
Singer, Paul. O Capitalismo: sua Evolução, sua Lógica e sua Dinâmica. S.Paulo, Moderna, 1987.
VIsentini, J. William. Brasil Sociedade e Espaço - Geografia do Brasil. São Paulo, Ática, 1986.
Geografia Geral e do Brasil – 2º Edição – 2003. Paulo Roberto – Ed Harbra SP.
Geografia do Brasil – 5º Edição – 2003. Marcos de Amorim Coelho e Lygia Terra – Ed. Moderna SP.
Geografia Geral e do Brasil – Edição reformulada 2005. João Carlos Moreira e Eustáquio de Sene – Editora Scipione SP.

HISTÓRIA

A concepção da História, que norteia as provas do Vestibular, parte da idéia de que os fatos históricos só têm sentido quando interpretados como ações de agentes e grupos sociais, em um determinado tempo-espaço. Ações essas possíveis a partir de princípios políticos, ideológicos e morais estabelecidos pelas próprias sociedades no tempo.
Conhecer a história é, portanto, relacionar práticas e discursos; construir conexões entre o que os homens fizeram e fazem, disseram e dizem.

Não interessa uma visão linear, cronológica e factual dos acontecimentos econômicos, políticos, sociais e culturais, mas a relação entre eles, de forma a identificar as sociedades que os produziram. No sentido de orientá-lo, as provas constarão das questões baseadas na análise do texto-questão, elaboração mental e aplicação dos conhecimentos nas respectivas áreas.

História geral

1) Idade Média

1.1. Alta Idade Média:

a) desagregação do Império Romano ao Ocidente;
b) expansão do Império Bizantino;
c) expansão árabe;
d) fatores do aparecimento do feudalismo;
e) estruturas social, econômica e política do sistema feudal;
f) participação política da Igreja Cristã Medieval.

1.2. Baixa Idade Média:

a) da crise feudal, movimentos das cruzadas à evolução das
Monarquias nacionais.

1.3. Idade Moderna:

a) expansão marítima européia;
b) renascimento - fatores de aparecimento, características do pensamento humanista e fases das transformações artísticas e científicas;
c) reforma religiosa;
d) Estado Moderno - política absolutista, economia mercantil e disputa pela hegemonia européia;
e) Iluminismo - liberalismo político e econômico, enciclopedismo e despotismo esclarecido;
f) Independência americana;
g) início do desenvolvimento industrial britânico.

1.4. Idade Contemporânea:

a) Revolução Francesa e Império Napoleônico;
b) independências coloniais;
c) Restauração Absoluta e as Revoluções de 1830 e 1848;
d) as contradições do Liberalismo e as novas teorias econômicas e sociais;
e) a política das Nacionalidades e as Unificações;
f) os Estados Unidos, a Inglaterra – expansão e transformações políticas no século XIX;
g) o novo imperialismo europeu - a expansão industrial e a nova partilha colonial;
h) política de Alianças e I Guerra Mundial;
i) período entre Guerras: Revolução Russa, transformação nas economias capitalistas e regimes totalitários;
j) Segunda Guerra Mundial e as relações internacionais, o contexto da Guerra Fria; a descolonização e novas tensões internacionais.

História da América

1) América Colonial.

2) América Latina (séculos XIX e XX):

a) o processo político-econômico dos países latino-americanos após a independência e sua posição no cenário mundial.

3) Estados Unidos da América (séculos XIX e XX):

a) o desenvolvimento econômico e a consolidação da hegemonia norte americana na América Latina e no Mundo.

História do Brasil

1) O Estado Português e seu pioneirismo nas navegações: a colônia e o mercantilismo português: características das economias de exportação e importância das atividades de subsistência:

a) Formação social do Brasil: povoamento, formação étnica e escravismo;
b) formação política da Colônia: expedições, capitanias hereditárias; governos gerais e reformas do século XVIII; expansão territorial: o significado das invasões estrangeiras; entra das e bandeiras, tratados e limites;
d) crise do sistema colonial: superação das economias mercantes; rebeliões locais e tentativas de emancipação.

2) Estado Português no Brasil:

a) a vinda da corte para o Brasil;
b) transformações político-econômicas do Período Joanino;
c) revolução do Porto e as tentativas recolonizadoras.


3) O Processo de Independências e o II Reinado:

a) a expansão das tropas portuguesas;
b) da Assembléia Constituinte à Constituição Outorgada;
c) política externa e crise do I Reinado.

4) Período Regencial:

a) as transformações políticas;
b) as revoltas provinciais;
c) contexto da maioridade.

5) Segundo Reinado:

a) da pacificação política ao parlamentarismo;
b) a política externa e as campanhas militares;
c) a economia do café e a substituição da mão-de-obra;
d) crise das instituições imperiais e federalismo;
e) a politização do exército e os conflitos com a Monarquia.

6) A República Velha:

a) do governo provisório à Constituição de 1891;
b) da consolidação do regime à “Política dos Governadores”;
c) as transformações econômico-financeiras;
d) a política externa;
e) tenentismo e crise das oligarquias.

7) A república de 1930-45:

a) a revolução e o Governo Provisório;
b) da Constituição de 1934 às polarizações ideológicas;
c) o Estado Novo e o intervencionismo econômico;
d) a participação na Guerra e seu significado político.

8) Redemocratização e crise do populismo:

a) a Constituição de 1946 e o governo Dutra;
b) Vargas e o nacionalismo econômico;
c) Juscelino e a campanha desenvolvimentista;
d) o declínio do populismo.

9) Características do Estado pós-1964:

a) o novo aparelho burocrático;
b) a internacionalização da economia;
c) da centralização à abertura política.

10) A nova República 1984-1998.

Bibliografia

Alencar, Francisco e outros. História da Sociedade Brasileira. Rio de Janeiro, Ao Livro Técnico, 1985.
Aquino, Rubin Santos Leão de. História das Sociedades Americanas. Livraria Eu e Você Editora Ltda.
Arruda, José J. de Andrade. História Moderna e Contemporânea. São Paulo. Ática, 1980.
Bercito, Sônia de Deus Rodrigues. Nos tempos de Getúlio: da Revolução de 30 ao Fim do Estado Novo. Atual (Coleção Hist. em Documentos).
Bruit, Héctor H. Revoluções na América Latina e o Imperialismo. São Paulo, Atual, 1988.
Dallari, Dalmo de Abreu. O que é Participação Política. São Paulo, Brasiliense. Decca, Maria Auxiliadora Guzzo de. Indústria, Trabalho e Cotidiano - Brasil - 1889 a 1930. São Paulo, Atual, 1991 (História em documentos).
DIVERSOS: revistas e principais jornais.
Doratioto, Francisco Fernando Monteoliva. De Getúlio a Getúlio: o Brasil de Dutra a Vargas, 1945 a 1954. Atual (Coleção História em documentos).
HILÁRIO, Franco Jr. A Idade Média - O Nascimento do Ocidente. São Paulo, Brasiliense, 1986.
Janotti, Maria de Lourdes M. Coronelismo: uma Política de Compromissos. Atual (Coleção Discutindo a História).
Martins, Ana Luíza. Império do Café. Atual (Coleção Hist. em Documentos).
Matta, Roberto da. A Casa e a Rua - Espaço, Cidadania, Mulher e Morte no Brasil. Rio de Janeiro, ed. Guanabara, 1987 (em especial o capítulo/Cidadania: a questão da cidadania num universo relacional).
Miceli, Paulo. O Feudalismo. São Paulo, Atual, 1986.
Montenegro, Antonio Tores. Reinventando a Liberdade - A Abolição da Escravatura no Brasil. São Paulo, Atual, 1989.
Nadai, Elza e Neves, Joana. História da América. S.Paulo, Saraiva, 1989 (3ª edição).
Peregalli, Enrique. A América que os Europeus Encontraram. São Paulo, Editora da Universidade Estadual de Campinas.

INGLÊS

Questões formuladas em Português voltadas para interpretação de texto, avaliando a capacidade de entendimento do candidato, tanto do sentido geral, quanto de ideias e de informações específicas, localizando-as no texto, analisando-as e as sintetizando. Para tanto, é necessário domínio de vocabulário e de gramática, incluindo substantivos, adjetivos, pronomes, verbos, advérbios, preposição, discurso direto e indireto, visando a compreender os conteúdos relacionados aos temas apresentados.