Você está aqui: Página Inicial / Notícias / GRANBERYENSES PARTICIPAM DE INTERCÂMBIO NA AUSTRÁLIA

GRANBERYENSES PARTICIPAM DE INTERCÂMBIO NA AUSTRÁLIA

GRANBERYENSES PARTICIPAM DE INTERCÂMBIO NA AUSTRÁLIA

No dia 16 de julho, as alunas do 1º ano do Ensino Médio, Ana Paula Vargas Pontes, e da 7ª série do Ensino Fundamental, Rebeca Delatorre da Fonseca, embarcaram para Austrália, onde já estão vivenciando uma experiência de imersão educacional e cultural.

Depois de mais de 32 horas de vôo, as estudantes chegaram na Austrália no sábado, dia 18 de julho. O casal Jenny e John Howland, que estão hospedando-as, prepararam uma recepção calorosa e cheia de aventuras para as garotas. No primeiro dia, visitaram a praia de Brighton – localizada em Melbourne, capital do Estado de Victoria. No domin, 17, realizaram o sonho de muitos turistas que visitam o país - alimentaram coalas e cangurus, num santuário de vida selvagem. E, na última segunda-feira, dia 20, tiveram o primeiro dia de aula.

Ana Paula e Rebeca ficarão na Austrália até o dia 6 de outubro, estudando na Westminster School, localizada em Adelaide – capital do estado de South Australia e quinta cidade mais populosa do país. Lá, continuarão os estudos em turmas equivalentes às series que cursam no Granbery, onde poderão ainda aprofundar os conhecimentos da língua inglesa.

As granberyenses são as primeiras alunas do colégio enviadas para este intercâmbio. De acordo com a relações institucionais, Diana Fernandes dos Santos Faraon, o relacionamento entre as escolas começou em julho de 2008, na cidade de Rosário, na Argentina, durante a Conferência da IAMSCU - International Association of Methodist Schools, Colleges and Universities (Associação Internacional de Escolas, Faculdades e Universidades Metodistas). Na ocasião, Jenny, conselheira da Westminster School, fez o convite para o intercâmbio, que veio a se concretizar ara em 2009. “A partir dessa primeira experiência, esperamos firmar uma parceria oficial com a escola e promover a ida de outros alunos, bem como receber alunos australianos no Granbery”, explica.