Você está aqui: Página Inicial / Graduação / Manual do Aluno

Manual do Aluno

Confira aqui a versão em PDF

Missão da Faculdade Metodista Granbery

Contribuir de forma efetiva na formação de pessoas, por meio de processos educativos inovadores, inclusivos e participativos, fundamentados nos valores e princípios da tradição metodista e no compromisso ético por uma sociedade mais justa.

Cara (o) discente!
Seja bem-vindo (a) à Faculdade Metodista Granbery.

Este texto visa esclarecer dúvidas e prestar informações básicas que regularão suas atividades acadêmicas nos cursos oferecidos pela Faculdade Metodista Granbery.

 


2 INFORMAÇÕES HISTÓRICAS

O Granbery nasceu nos corações dos missionários norte-americanos: J. W.Tarboux, J. C. Wolling e do Bispo J. C. Granbery, em 1889, no alvorecer da República. Em maio do mesmo ano, nos Estados Unidos, o jovem professor J. M. Lander foi nomeado o primeiro dirigente da "Juiz de Fora High School and Seminary", a ser fundada em Juiz de Fora, MG.

A cidade, na época, era um dos principais centros da Região Sudeste e forte reduto republicano. Em junho, Lander embarcou para o Brasil juntamente com sua esposa e um filho de colo e em agosto já assumia seu posto no novo estabelecimento, o primeiro de toda a Zona da Mata mineira.

No dia 17 de fevereiro de 1890, com apenas um discente — Alfred Ferguson — iniciaram-se as atividades acadêmicas regulares num modesto sobrado na esquina das Ruas Marechal Deodoro e Santo Antônio. Em seguida foi organizado o departamento primário que contava com dois pequenos discentes: Ludgero de Miranda e Felippe R. de Carvalho. Finalmente, no dia 8 de setembro, as portas do "O Granbery" foram abertas oficialmente, quando então recebeu o nome de Colégio Americano Granbery, em homenagem ao Bispo com o mesmo nome.

Segundo seus fundadores, "o fim básico da existência do Granbery é inspirar a vontade de pensar e ser livre para pensar". Nesta linha, foram criados, sobretudo na época do internato, vários grêmios literários que serviram de laboratório prático de aprendizagem de expressão verbal, oratória e de interpretação artística. Vocacionado para ser uma instituição comunitária, solidária, o ideal mais amplo dos pioneiros era transformá-lo na "Universidade Metodista no Brasil". Neste sentido, o programa de ensino estava harmonizado, de "maneira a mais completa, com as principais universidades americanas". Seu primeiro curso foi o de Teologia, fundado em 1890, pois a ideia era a de preparar pastores metodistas para "conquistarem o Brasil como um todo".

Na busca do ideal universitário, a Instituição teve no esporte uma de suas marcas mais notáveis; atualmente, as atividades esportivas continuam ocupando lugar de destaque na educação granberyense e, por isso, uma área de 22.000 m² é destinada ao Centro de Educação Física e Esportes.

Assim, fiel à sua origem vanguardeira, já em 1904 criava os cursos de Farmácia e Odontologia, orientados segundo as melhores "Dental School", dos Estados Unidos. Em seguida vieram as faculdades de Direito (1911) e Pedagogia (1928). Os cursos criados atendiam sempre às constantes reivindicações da comunidade. Esse nexo entre a instituição de ensino e a comunidade juizforana é uma das características marcantes na vida da faculdade.

Em 1939 o projeto de universidade encerrou-se, mas não o sonho, pois o ideal da volta dos cursos superiores permaneceu. Como consequência, no dia 2 de agosto de 1999, a aula magna do curso de Bacharelado em Administração marca o retorno do Granbery às atividades dos cursos superiores.

Com vistas à preservação da memória foi criado, em setembro de 1993, o Museu Granbery, em área de 170m². A casa do Granberyense (Museu do Granbery) fica localizado na Rua Batista de Oliveira, nº 1152, aberto para visitação de segunda à sexta, das 09h às 18h. No local encontram-se peças, móveis, máquinas e aparelhos que evidenciam a história do Instituto desde os primórdios. O Museu dispõe de acervo bibliográfico remanescente de algumas de suas antigas faculdades que, juntamente com a documentação, constituem-se em fontes de pesquisa nas seguintes áreas: escola confessional, educação em Minas Gerais, na Zona da Mata mineira e em Juiz de Fora.

Desde a sua fundação, o Instituto tem se destacado pela qualidade do conhecimento científico cultural que ministra e pela sólida formação dada aos seus discentes transmitindo-lhes princípios e valores que os preparam para a vida. Entre seus discentes despontam vultos que marcam hoje, ainda, presença positiva na religião, na política, nas artes, na diplomacia, na livre iniciativa, na educação, nas ciências, e que se destacam pela contribuição que dão ao desenvolvimento técnico-científico do País. Este fato atesta a significativa influência que o Granbery tem exercido na educação e na formação cultural brasileira. A data comemorativa de aniversário do Granbery é 8 de setembro.

 

3 CURSOS DE GRADUAÇÃO

ADMINISTRAÇÃO
ARQUITETURA E URBANISMO
DIREITO
EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA 
EDUCAÇÃO FÍSICA BACHARELADO
ENGENHARIA CIVIL
PEDAGOGIA
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

 

4 DIREÇÃO E COORDENAÇÃO

A Direção, Coordenação e demais órgãos de apoio têm a missão de orientar os discentes na trajetória acadêmica.

Diretor da Faculdade: Prof.Dr.Clovis Pinto de Castro.
e-mail:
Telefone: (32) 2101-1802

Diretor Acadêmico: Prof. Ms.André Araújo de Oliveira
e-mail:
Telefone: (32) 2101-1802

Secretária Geral: Prof.Ms.Andréa Lopes Pinheiro.
e.mail:
Telefone: (32) 2101-1841

Curso de Administração
Coordenadora: Prof. Ms. Juliana Maioli Laval Bernardo.
e-mail:
Telefone: (32) 2101-1861

Curso de Arquitetura e Urbanismo
Coordenadora: Prof. Ms. Annelise Gamonal Gruppi
e-mail:
Telefone: (32) 2101-1814

Curso de Direito
Coordenadora: Prof. Ms.Isaura Barbosa de Oliveira
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1862

Curso de Educação Física (Bacharelado e Licenciatura)
Coordenador: Prof. Ms. Fernando Luis Seixas Faria de Carvalho
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1837

Curso de Engenharia Civil
Coordenador: Prof. Ms. Alexandre Luiz Moraes Lovisi
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1876

Curso de Pedagogia
Coordenadora: Prof.Ms. Geiza Torres Gonçalves de Araujo
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1864

Curso de Sistemas de Informação
Coordenador: Prof.Ms Ronney Moreira de Castro
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1865

Cursos: Engenharia de Produção e Tecnologia em Eventos
Coordenador: Prof. Ms. Carlos Henrique Mota Couto
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1860

Apoio às Coordenações de Cursos
Responsável: Mércia Leila Gonçalves Coelho
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1860/2101-1875

 

5 CORPO DOCENTE E GRADES CURRICULARES
Confira no site – www.granbery.edu.br/graduação/curso

 

6 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

A avaliação do aproveitamento dos (as) discentes em cada disciplina/módulo será registrado atribuindo-se uma nota expressa em grau numérico de 0(zero) a 10(dez), com aproximação até décimos.

O resultado do aproveitamento em cada disciplina/módulo será obtido a partir dos resultados alcançados nos instrumentos utilizados, segundo o critério estabelecido pelo(s) docente(s), que pode ser um dentre os seguintes:

I - Peso, com um total de 10 pontos no período letivo;
II - Porcentagem, com um total de 10 pontos no período letivo;
III- Valor absoluto, com um total de 10 pontos no período letivo.

O critério de aprovação do discente consiste no binômio nota e frequência. Será necessário atingir nota mínima de 6,0 (seis) e 75% (setenta e cinco por cento) de frequência da carga-horária do módulo/disciplina, compreendendo esta como presencial e, quando houver, virtual.

Os instrumentos avaliativos serão escritos. Eventualmente, poderão ser orais ou práticos, conforme previstos no Plano de Ensino, após planejamento docente semestral e aprovação da coordenação de curso.

Os docentes deverão aplicar, além dos instrumentos avaliativos de sua disciplina/temática, no mínimo, duas provas escritas no módulo/disciplina: uma elaborada a partir dos conteúdos trabalhados na disciplina ou módulo integrando os temas, e outra buscando, sempre que possível, a integração entre temas, disciplinas e módulos do período ou ainda, do curso.

O processo avaliativo deve ser formativo, com o objetivo à aprendizagem. O docente poderá, assim, optar por instrumento de avaliação substitutivo, que deverá estar previsto em seu Plano de Ensino. Caso não previsto no Plano, entender-se-á que não se aplica à referida disciplina/ módulo.

O instrumento de avaliação substitutiva não será referente à avaliação integrada entre módulos, caso esta aconteça.

O instrumento de avaliação substitutiva acima referido, deverá ser por meio de prova escrita, que anula o resultado da prova instrumento a que ele se refere. O discente que por qualquer motivo não realizar prova substitutiva permanecerá com a nota da prova anterior realizada.

Ao discente que deixar de comparecer às provas orais ou escritas, por motivo justificado, aferido e acatado pelo professor, ou, na sua falta, pelo coordenador do curso, deverá ser concedida segunda chamada.

O professor deverá aplicar novo instrumento de avaliação no momento em que achar mais oportuno, respeitando o conteúdo avaliado no instrumento do qual o discente se ausentou, obedecido o Calendário Acadêmico e a legislação em vigor.

Em disciplinas/ módulos em que o Plano prever a prova substitutiva, o discente não terá direito à referida avaliação no caso de segunda chamada.

Após a realização da devolutiva, e no máximo em dois dias úteis, poderá ser concedida revisão de nota, quando requerida de forma fundamentada e tempestiva, no Setor de Apoio às Coordenações, obedecido o calendário acadêmico.

Ao final do período esta revisão deverá obedecer ao Calendário Acadêmico.

 

7 FREQUÊNCIA

A frequência às aulas e demais atividades escolares, permitida apenas aos matriculados, é obrigatória, vedado o abono de faltas. Independente dos demais resultados obtidos, é considerado reprovado no módulo/disciplina, o(a) discente que não obtenha frequência de, no mínimo, 75% das aulas e demais atividades programadas de cada módulo/disciplina do curso.(LDB e Resolução CEPE nº 10/2015).
A carga horária virtual, quando houver, será computada pelo professor observando a participação do discente nas atividades propostas na plataforma moodle.

 

8 REGIME DE ESTUDOS

O regime adotado pela Faculdade Metodista Granbery é o seriado semestral. Nesse regime, os módulos/disciplinas não são feitos isoladamente, como no sistema de créditos. Cada período tem seus módulos/disciplinas, que devem ser cursados em um mesmo semestre, em bloco. Somente em casos de reprovação ou matrículas por transferência de outras faculdades, a matrícula do(a) discente pode ter um caráter especial, diferente do regular.


9 CENTRAL DE ATENDIMENTO INTEGRADO

A Central de Atendimento Integrado (CAI) foi criada com o objetivo de unificar os serviços prestados pelas áreas acadêmicas e financeiras da Faculdade Metodista Granbery, proporcionando, assim, um atendimento mais eficaz aos discentes.

A Central de Atendimento Integrado (CAI) engloba os serviços acadêmicos e financeiros, além de outros, tais como emissão de 2ª via de boletos, senhas e os serviços relacionados à Identidade Estudantil.

Parte dos serviços prestados pela CAI podem ser requeridos via Portal do Aluno, com acesso pelo site www.granbery.edu.br , com mais comodidade e conforto.

O Caixa está restrito a recebimentos já pré-estabelecidos pela Instituição. Portanto, antes de se dirigir ao Caixa, procure a Central de Atendimento Integrado (CAI).

Obs.: Sobre alguns serviços realizados pela CAI incidem taxas. Os valores são divulgados, por portaria da Direção, no site do Granbery, na aba Faculdade/Financeiro/Valor da Mensalidade.

Responsável: Andréa Lopes Pinheiro
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1870/1869/1841

 

10 ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO

O Programa de Atendimento Psicopedagógico busca assessorar os discentes nas questões típicas que os afetam durante o curso, que acabam influenciando no aproveitamento acadêmico, principalmente as relacionadas com o planejamento de carreira e de futuro. O contato pode ser realizado através do setor de apoio às coordenações de cursos.

 

11 FILANTROPIA

Os serviços de bolsas filantrópicas, PROUNI e FIES são prestados por setor específicos, localizado ao lado da Central de Atendimento Integrado (CAI).

Contatos: Neusa Maria Pereira Oliveira
Liliane Barreiros Vendramin

E-mail: neusa.oliveira@granbery.edu.br

Telefones: (32) 2101-1818 e (32) 2101-1853

 

PROUNI

A Faculdade Metodista Granbery faz parte do PROUNI – Programa Universidade para Todos, que tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais a discentes brasileiros, sem diploma de nível superior. Infomrações: http://prouniportal.mec.gov.br.

 

CONVÊNIOS

O Granbery mantém convênio com algumas empresas da cidade de Juiz de Fora e região. Os funcionários e dependentes dessas empresas têm direito a 15% de desconto nas mensalidades dos cursos de graduação, pós-graduação e colégio. Confira a lista das empresas no site www.granbery.edu.br.

 

FIES

O FIES é o Fundo de Financiamento ao Discente do Ensino Superior, do Ministério da Educação. Confira mais informações no site do FIES ou diretamente no Granbery pelo telefones (32) 2101-1818 e (32) 2101-1853.

 

MONITORIAS

A monitoria está regularizada pela Resolução CEPE nº 03/2009, disponível para consulta na Central de atendimento Integrado (CAI) e na Biblioteca.

Os discentes interessados em participar dessa modalidade de ensino-aprendizagem devem entrar em contato com o Setor de Apoio às Coordenações de Cursos.

 

12 BIBLIOTECA

A biblioteca da Faculdade Metodista Granbery (Biblioteca Almir de Souza Maia) conta com mais de 35 mil exemplares. Tanto na biblioteca física como na on line, o(a) discente da Faculdade também tem acesso à Biblioteca do Colégio. Além de livros, estão disponibilizados a toda a comunidade granberyense jornais, revistas e material audiovisual.

Para o empréstimo de livros, o(a) discente devidamente matriculado deve apresentar a Identidade Estudantil com o selo do semestre vigente. No caso da biblioteca on line o acesso é por meio da senha do aluno.

O manual do Usuário da Biblioteca está disponível nas unidades do Colégio e da Faculdade e também no endereço www.granbery.edu.br. Você também pode consultar o nosso acervo, fazer reservas e renovar empréstimos pelo site.

Responsável: Rosângela Alves de Oliveira
E-mail: rosangela.oliveira@granbery.edu.br

Telefone: (32) 2101-1825

 

13 SUPORTE DE INFORMÁTICA

A equipe do Suporte de Informática do Granbery é responsável pelo acesso aos Laboratórios de Informática e lida diretamente com os alunos para resolver qualquer tipo de problema relacionado ao seu ambiente acadêmico.

Ao ingressar na instituição, o discente receberá um login e senha únicos e intransferíveis, os quais irão proporcionar acesso a laboratórios e também aos sistemas acadêmicos SIGA e Portal do Aluno e Intranet. Esses serviços são essenciais para o bom desempenho do aluno em sua caminhada acadêmica na instituição. Além disso, cada discente terá direito a um espaço de 300 Megabytes em disco nos servidores de rede da instituição, que pode ser utilizado para o armazenamento de arquivos durante a realização do curso.

Obs.: O discente deve se responsabilizar por manter backup destas informações.

Estão disponíveis seis laboratórios de informática, além disso, é disponibilizado um desses laboratórios exclusivamente para o uso dos(as) discentes, das 7h às 22h40, sem interrupção para aulas.

Contato: Suporte de Informática
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1821

 

14 SERVIÇOS DE FOTOCÓPIA E IMPRESSÃO

Os discentes contam ainda com o serviço terceirizado de xerox e papelaria, que oferecem preços diferenciados para grupos e turmas, localizado no andar térreo do prédio João Panisset, onde fica a cantina.

 

15 HORÁRIO DE AULAS

O horário das aulas está disponível no mural da sala. No mural do 2º andar do prédio JP, temos acesso ao horário de todos cursos e de todos os períodos. Essa informação ajuda na localização dos professores.
Lembrem-se: durante as aulas – no horário de 19h às 20h40 e de 21h às 22h40 o professor tem um compromisso com a turma pela qual está responsável, sendo assim, ele não poderá fazer outro tipo de atendimento neste tempo. Agende o melhor horário na secretaria de apoio ás coordenações.

 

16 CARGA HORÁRIA VIRTUAL

Corresponde à carga horária desenvolvida na plataforma MOODLE.
O professor deverá, no rótulo de cada atividade, esclarecer os critérios de avaliação e informar a carga horária para cada proposta. O discente terá validada a nota (se for o caso) e a quantidade de horas/aula de acordo com a sua participação. O professor também, deverá criar no SIGA o período específico para cada proposta, de acordo com a carga horária prevista. Neste espaço será informado ao discente o número de faltas, se houver, na referida proposta. ATENÇÃO: A NÃO PARTICIPAÇÃO NA PLATAFORMA REPRESENTA NÃO CUMPRIMENTO DE CARGA HORÁRIA PREVISTA NO CURSO. SE TIVER PROBLEMAS DE ACESSO PROCUREM O NÚCLEO DE EAD – SALA JP 110.

 

17 REGIME ESPECIAL DE ESTUDOS - REE

É um direito reservado ao discente, que por motivo de doença contagiosa ou que por motivo de doença grave lhe impeça de frequentar as aulas presencialmente, mas, não compromete seu aprendizado. Decreto-Lei 1.044/69 e da Lei 6.202/75
Para ter acesso a esse direito, além da condição de doença, já citada, o discente deverá apresentar atestado médico de no mínimo 15 dias letivos (20 dias corridos) e no máximo 35 dias letivos, no Setor de Apoio às Coordenações no prazo máximo de 3 dias da emissão do atestado.
Após os trâmites de comunicação aos professores, estes deverão encaminhar atividades para estudos autônomos e elaborar proposta especial de avaliação, se for o caso. O discente só terá as faltas justificadas se realizar, em tempo determinado pelo professor as atividades propostas.

O registro da frequência no SIGA só será finalizado ao final do prazo do REE após todas as condições verificadas.
Quando se tratar de gestação a RESOLUÇÃO Nº 003/2005 é quem orienta as normas para a concessão do Regime Especial de Estudos – REE.

E determina, além dos procedimentos relacionados acima que:

Art 2º O Regime Especial de Estudos se dará por um período não superior a 90(noventa) dias, a partir do oitavo mês de gestação, contados a partir da data do atestado médico.
Art.6º As avaliações bimestrais e semestrais serão feitas preferencialmente na Faculdade.
Art. 8º A discente que optar pelo retorno às aulas antes do fim do prazo determinado, deverá assinar termo de compromisso na Secretaria de Apoio às Coordenações

 

18 REPROVAÇÕES/ADAPTAÇÕES
A RESOLUÇÃO CEPE Nº 01/2017, regulamenta a matrícula com módulos pendentes que orienta:

Art. 2º Para fins de aprovação e matrícula no período seguinte serão admitidas 04 (quatro) disciplinas/módulos pendentes, anteriores ao período em que o aluno será matriculado.
§ 1º Entende-se por disciplinas/módulos pendentes aqueles que são resultados de reprovação e adaptações curriculares consequentes de aproveitamento de estudos.
§ 2º O discente com 05 (cinco) ou mais disciplinas/módulos pendentes é considerado reprovado no período cursado e não poderá matricular-se no período subsequente do curso, devendo matricular-se somente nas disciplinas/módulos pendentes, salvo nos casos de não oferecimento dos mesmos pela instituição.

19 SIGA – Sistema de Gestão Acadêmica – utilize essa ferramenta, solicite sua atualização por parte dos professores – Problemas de acesso busque ajuda no Núcleo de Informática – Sala JP 101.

 

20 PORTAL DO ALUNO – espaço de relação institucional, renovação de matrícula solicitação de serviços, e de documentos

21 CENTRAL DE ESTÁGIOS

A Central de Estágios da Faculdade Metodista Granbery (Trabalhando.com) é uma ferramenta digital que aproximará o(a) discente regularmente matriculado, no mercado de trabalho. Por meio do seu login e senha, você terá acesso às melhores vagas de estágio, trainee ou efetivo.
Você pode obter mais informações sobre estágios supervisionados com os professores responsáveis de cada curso. Obtenha mais informações com o coordenador do curso.

 

22 REPRESENTAÇÃO DOCENTE E DISCENTE

Os corpos docente(professores) e discente(discentes) da Faculdade Metodista Granbery possuem representantes nos colegiados – CEPE(Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão), CONSU (Conselho Superior), CPA (Comissão Própria de Avaliação) e colegiados dos cursos, com direito a voz e voto. A eleição para as representações ocorre uma vez ao ano. O Regimento Geral está disponível na CAI (Central de Atendimento Integrado) e na Biblioteca para consulta sobre os órgãos e funções dos mesmos.

 

23 OUVIDORIA

Por meio da ouvidoria, você pode nos ajudar enviando suas críticas e sugestões. Ouvir você é importante para continuarmos construindo uma Faculdade cada vez melhor.

Responsável: Juliana Maioli Laval Bernardo
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1860

 

24 AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

O setor de Avaliação Institucional tem como atribuição a busca da excelência e aprimoramento dos processos administrativos e didático-pedagógicos da Faculdade. Ao participar dos processos de avaliação, você pode contribuir para tornar a nossa instituição cada vez melhor.
A participação do discente no processo de Avaliação Institucional é de grande importância. São os dados registrados na avaliação que permitem o diagnóstico de nossa qualidade acadêmica e estrutural e orientam os projetos de melhoria da nossa instituição e do curso.

Responsável: Juliana Maioli Laval Bernardo
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1861

 

25 PASTORAL UNIVERSITÁRIA

A pastoral universitária é um espaço de apoio aos discentes, professores, funcionários, bem como aos seus familiares. Desenvolve ações que priorizam a vida e o bem-estar, em caráter individual e coletivo, à luz do evangelho de Jesus Cristo. Neste sentido, busca sempre o convívio fraterno e respeitosos em um ambiente pluricultural.

 

26 CENTRO DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTES

O CEFE é um espaço de aprendizagem físico, social e afetivo, onde se desenvolvem manifestações do esporte de caráter participativo e educativo. Professores, funcionários e discentes da instituição poderá usufruir do Complexo Esportivo por meio das Atividades de Extensão, das Escolas de Esporte, dentre outras possibilidades que vão até a oportunidade de estágio.

Infraestrutura: Área com cerca de 22 mil m²/piscinas aquecidas/sala de dança e ginástica/sala de jogos e lutas/laboratório de musculação/quadras poliesportivas/campo society de saibro/quadra de areia/quadra coberta/local de caminhada e campo de futebol gramado.

Responsável: Fábio Ferreira Reis
E-mail:
Telefones: (32) 2101-1827/(32) 2101-1828

 

27 RELAÇÕES INTERNACIONAIS

O processo de internacionalização no contexto educacional constitui-se, em intercâmbios de discentes, docentes e funcionários administrativos, ampliação do acervo das bibliotecas e acesso à informações, bolsas de estudos para formação continuada, desenvolvimento conjunto de projetos de pesquisa, formação de consórcios para criação de programas e para potencialização de recursos, divulgação cultural, eventos, palestras e seminários. O processo de internacionalização também deve incluir a ampliação de ações de responsabilidade social das instituições metodistas, voltadas às comunidades mais necessitadas.
A dimensão internacional promove o enriquecimento da educação e, portanto, está em sintonia com a proposta metodista de buscar educação de qualidade.
Para buscar mais informações, entre em contato com o coordenador do curso.

 

28 ASSOCIAÇÃO DOS GRANBERYENSES

A comunidade granberyense tem seu ponto de encontro na Associação dos Granberyenses. Criada em 1922, é uma das maiores e mais ativas associações do país, com setores em diversas capitais do Brasil. A Associação reúne ex-alunos(as), alunos(as), professores(as), funcionários(as), pais de alunos e muitos outros voluntários que acreditam na educação diferenciada oferecida pelo Granbery.

Contato: Taís Campos
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1830
Endereço: Casa do granberyense – Rua Batista de Oliveira, 1152.


29 GRANBERY CONSULTORIA

O Granbery faz parte do Movimento de Empresas Juniores por meio da Granbery Consultoria. A empresa é uma oportunidade de aprendizado para os(as) discentes de Administração e Sistemas de Informação e tem a finalidade de proporcionar aos seus membros as condições necessárias à aplicação prática de conhecimentos relativos à sua área de formação profissional. Além de possibilitar uma melhor preparação deste profissional para o mercado de trabalho.

Contato: www.gcj.com.br
E-mail:
Telefone: (32) 2101-1877
Endereço: Rua Barão de Santa Helena, 322.

 

30 NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA

O Núcleo de Prática Jurídica é gerido pelo Curso de Direito que, com o apoio dos seus discentes, oferece serviços jurídicos à comunidade.
O NPJ atende a todas as causas: cíveis, trabalhistas e criminais.

Responsável: Profª Ms. Tathiana Machado Araújo Haddad Guarnieri
Telefone: (32) 3216-1019

 

31 GRANBERY CONSULTORIA JURÍDICA

Tendo em vista o Granbery participar do movimento das empresas juniores, como já dito, o curso de Direito, com chancela da OAB, também propicia a seus discentes a participação na Consultoria Jurídica Júnior, empresa criada e administrada pelos alunos, possibilitando, ainda mais, um maior aprendizado prático, através de consultorias prestadas diretamente a empresas, participando, com isso, do cotidiano jurídico do mercado.
A Granbery Consultoria Jurídica é uma oportunidade de aprendizado para os acadêmicos do curso de Direito e propicia ao discente a vivência prática na parte jurídica.

Contatos: Profª Ms. Ana Lucia Damascena/ Profª Ms. Bethânia Senra e Pádua.
Telefone: (32) 2101-1019

 

32 PÓS-GRADUAÇÃO

A Faculdade Metodista Granbery entende que a educação é um processo contínuo, múltiplo e dinâmico. Por isso, oferece diversas oportunidades para que você amplie seus horizontes e enriqueça seu currículo.

Seguem os cursos oferecidos atualmente:

Gestão Inclusiva: Estratégias de Comunicação com enfoque em Libras.
MBA em Gestão de Custos e Finanças Empresariais.
MBA em Gestão de Pessoas(Psicologia Organizacional)
MBA em Marketing e Empreendedorismo.
Alfabetização e Letramento: Diferentes Linguagens e sua Aprendizagem.
Gestão Educacional.
Psicopedagogia: clínica e institucional

Também serão oferecidos cursos na modalidade EAD em parceria com a Universidade Metodista de São Paulo – UMESP:

Administração da produção e operações.
Comunicação Empresarial.
Direitos difusos e coletivos.
Direito Educacional.
Engenharia do produto utilizando o método dos elementos finitos.
Gerenciamento de mídias digitais.
Gestão Ambiental.
Gestão da cadeia produtiva aeroespacial.
Gestão da Qualidade.
Gestão de Cidades.
Gestão de conteúdo em comunicação: jornalismo.
Gerenciamento de projetos de TI com práticas alinhadas ao PMI.
Gestão de Educação a Distância Acadêmica e Corporativa.
Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação.
Marketing.
Português: Língua e Literatura.

Responsável: Profº. Ms. Carlos Henrique da Mota Couto
E-mail:
Tel.: (32) 2101-1860.

 

33. PESQUISA

A Faculdade Metodista Granbery desenvolve pesquisa em diferentes áreas do conhecimento. Procure a coordenação de seu curso e fique atento à publicação de editais que orientam as diversas possibilidades de participação e os projetos que estão sendo desenvolvidos no período.

 

34. EXTENSÃO

No campo da Extensão a Faculdade Metodista Granbery atua oferecendo diferentes cursos de curta duração que auxiliarão na qualificação de sua formação. A oferta é sempre revista e o portfólio dos cursos e outras informações podem ser verificadas no site: http://granbery.edu.br/extensao
Além dos cursos oferecidos a Faculdade desenvolve diversas atividades de extensão. Para maiores informações converse com o coordenador de seu curso.

35. FORMATURA

Durante o curso, as providências relacionadas à Formatura poderão ser tomadas, conforme normativas da Faculdade, contando com a colaboração da Secretaria Acadêmica(CAI) e do Setor de Eventos que orientarão quanto aos procedimentos inerentes ao processo de conclusão do curso e os eventos/solenidades, respectivamente. É preciso salientar que, dependendo da situação acadêmica de cada discente, as solenidades podem configurar momentos diferentes, a saber:

 

1) COLAÇÃO DE GRAU

O discente concluinte deverá solicitar no Portal do Aluno, em prazo estipulado em calendário, a sua colação de grau, desde que atenda aos seguintes requisitos:
•A participação na colação de grau é permitida somente aos discentes que concluíram todas as exigências acadêmicas dos seus respectivos cursos.
• Discentes com qualquer pendência acadêmica não podem pleitear colação de grau.
• A participação na Colação de Grau é obrigatória e intransferível.
Após a solicitação, o discente deverá acompanhar a resposta à sua solicitação.

2) SOLENIDADE FESTIVA DE FORMATURA

O discente concluinte deverá solicitar no Portal do Aluno, em prazo estipulado em calendário, a sua participação na solenidade festiva de formatura, desde que atenda aos seguintes requisitos:
• Somente quem pode participar desta solenidade são os discentes que já cursaram todos os períodos dos seus respectivos cursos, inclusive o último, mesmo que tenham sido reprovados em alguma disciplina anterior.

Após a solicitação, o discente deverá acompanhar a resposta à sua solicitação.
Responsáveis: Setor de Eventos: Vania Lopes Alvim
e-mail:
Telefone: (32) 2101-1817
Secretária Geral: Prof.Ms.Andréa Lopes Pinheiro.
e.mail: . Telefone: (32) 2101-1841